Incêndios Misteriosos – Imagens Inéditas

Os jornais e as televisões andaram muito entretidos, durante e depois dos incêndios, a pedir a demissão de ministros, o que não lhes deixou muito tempo para fazerem o trabalho jornalístico básico. Em que concelhos houve ignições, quantas e com que intervalo de tempo? Em que local tiveram início e como se propagaram as chamas?…

Os Outubros negros da Justiça Portuguesa (por António Garcia Pereira)

Em 18 de Outubro de 1989, o Supremo Tribunal de Justiça, num tristemente célebre Acórdão relatado pelo Juiz Conselheiro Vasco Tinoco, e igualmente subscrito pelos seus colegas Lopes de Melo, Ferreira Vidigal e Ferreira Dias, espantosamente, invocava, como razões pretensamente justificativas da brandura da pena aplicada a dois violadores, as circunstâncias de as vítimas serem…

A Questão Não é Essa… (por Arnaldo Matos)

Na sua mais recente função de caixote do lixo, o Conselho Superior da Magistratura veio ontem à noite circular um comunicado da Comarca de Lisboa sobre a medida coactiva de obrigação de permanência na habitação, aplicada pelo juiz do Penhascoso, Carlos Alexandre, a Ricardo Salgado, quadrilheiro-mor da quadrilha de gatunos da família Espírito Santo.    …

Uma Escandalosa Vergonha de Justiça! (por Arnaldo Matos)

        Se alguém porventura ainda tinha dúvidas de que a justiça portuguesa não passava de uma farsa fascista ao serviço da classe dos grandes capitalistas, pois então esta noite deve ter perdido definitivamente as suas ilusões, quando viu Ricardo Espírito Santo Silva Salgado, o chefe da quadrilha de gatunos da família Espírito Santo, autor de múltiplos…

Mudança na lei permite fraude com NIB de contas

A lei visa simplificar os processos, mas obriga agora a que cada pessoa tenha mais atenção às suas contas. A simplificação dos procedimentos de autorização para que uma conta passe a ser paga por débito direto implicam ter mais cuidado com o NIB e o extrato, porque pode acontecer que um terceiro o use para…

ULTIMA HORA – Supremo recusa libertação imediata de José Sócrates! (em actualização)

O Supremo Tribunal de Justiça recusou esta Segunda-feira (16 de Março) a libertação imediata de José Sócrates. O acórdão redigido pelo juiz conselheiro Santos Carvalho, relator sorteado para analisar o pedido de Habeas Corpus apresentado pela defesa de José Sócrates não acolheu os argumentos do arguido. Nota da redacção: Este notícia será actualizada logo que haja novos desenvolvimentos e reacções…