AUTO-RACISMO

Polémica: um miúdo _________ (entre as designações seguintes, escolha a que preferir: “de cor”, “negro”, “preto”, “de ascendência africana”) com oito, nove, dez anos aparece num cartaz de uma determinada marca com uma frase estampada na sua camisola verde: “The coolest monkey in the jungle” A loucura inundou as redes sociais (uma indignação galopante, histérica,…

Lugares remotos

Algures, num lugar tão remoto ou tão íntimo, há uma fotografia de mim ou de parte de mim a olhar a vida de uma família, a sua intimidade. Uma sala em Copenhaga mantém parte do meu corpo (a minha meia-cara, um perfil, e o tronco) numa fotografia em cima da lareira (a família dinamarquesa passeava…

O que fica nos livros

Uma mancha de sangue na página 68, a meio do texto sobre a palavra “vulnerável”, esbatida. Com o tempo, o vermelho foi desaparecendo até se imortalizar numa espécie de bordéus ressequido. Uma pincelada, apenas. Um borrão. Alguém que sangrou do nariz e terá passado um dedo desatento pela leitura? Um espinho de rosa que picou…

Barbearia Firme

Numa rua com um nome de que ninguém se lembra – nem o escritor nem os leitores nem sequer o revisor que, sendo o mesmo que o primeiro, apenas se recorda de algumas letras, de sonoridades vagas, difusas palpitações –, existe a Barbearia Firme, propriedade antiga de Abílio Firme, o Mestre nas artes da confecção…

EUtanásia

Um homem está deitado na cama do seu quarto numa aldeia da Galiza. Não mexe os braços, não mexe as pernas, só se ouve o som do próprio coração e uma ventania lá fora. Em frente, molduras com sangue dentro. O homem a nadar, o homem a voar, beijos do homem com um antigo amor,…