E agora?

Confinou-se um país para baixar uma curva e não fazer colapsar o SNS.

Afinal este estava ligado ao ventilador e faleceu com tudo o que já se desmascarou.

Nos lares, nos hospitais, nos centros de saúde.

Exaustos e mal pagos, os que restam num SNS depauperado baixaram a curva e mostram as feridas a nós moribundos.

Muitos moribundos não morreram da nova doença, morreram de outras mais antigas e do medo de saber se tinham alguma doença. Ou por incúria.

A desvida nos lares é assustadoramente penosa. Falta tudo porque os velhos nunca foram prioridade.

E há um vírus selectivo à solta por aí. Com amigos assim quem precisa de inimigos?

Portugal, um país que não gosta dos seus velhos nem dos seus mais novos. Nem de doentes.

Todos dão muita despesa e comem demais do Estado…melhor seria mandar todos morrer…aos privados Champions e, lavar as mãos como o romano da sandália de tiras, o Pilatos.

Esta é a era da incompetência, da incúria e da desresponsabilização. Dá pena assistir ao que por aí vai.

Ninguém sabe, ninguém viu, ninguém leu, ninguém ouviu.

As alternadeiras no poder têm problemas de saúde mental e/ou dependências várias.

Umas sofrem de carências afectivas mediáticas outras de carência empática, outras de perversidade política profissional.

Felizmente já não ouço bater palmas nem vejo arco-íris, unicórnios e cânticos “vamos ficar todos bem”. Já começaram a despertar em massa para o pior vírus.

Mas…salvemos o capitalismo, estúpidos. Venha o partido que vier.

Que o pessoal do SNS já tem a Champions de prémio.

-Então e os velhos e os doentes?

E nós?…(perguntamos)

-pá, vocês, que se fodam! (Dizem eles)–

2 comentários a “E agora?”

  1. Skeptikus diz:

    Concordo plenamente e se a corja decidir pelas vacinas obrigatórias? Nem sabemos como nos defender. Que tal reunir forças e avançarmos para uma oposição com mais vozes dissonantes apesar dos media estarem domesticados? A união faz a força, sempre!
    https://www.publico.pt/2020/08/24/sociedade/noticia/vacinacao-covid19-so-obrigatoria-parlamento-aprovar-nova-lei-1928974

  2. […] post E agora? appeared first on Notícias […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *