Em Portugal não há racismo…

Já se exibe por aí, sem pudor, o crime de racismo, publicamente, no desporto, na terra onde o Eusébio é idolatrado.
O futebol tornou-se em Portugal a religião onde os fanáticos bombistas cometem crimes de terrorismo e racismo com palavras e gestos.
O lugar onde se descarrega o ódio e as frustrações. A catarse dos extremistas.

Não basta condenar senhores políticos. Está tudo identificado. Quem incita e quem perpetua o racismo, quem corrompe, quem é corrompido. Basta ligar a televisão.

Tem de se legislar e punir. Com penas exemplares. De serviço comunitário nos guetos, nos bairros pobres. Fazer o criminoso explicar `a razão porque sou racista é simples, sou um vulgar estúpido’ e a ensinar nas escolas ´não existem raças, existem tipos ignorantes como eu´.
A escrever numa lousa, cem vezes por dia `sou racista mas descendo de pretos e árabes´. E interdição aos jogos.

Tenham vergonha. Os racistas e os cúmplices (também eles racistas).  Quem não interrompeu o jogo, quem não pára todos os jogos. Quem saiu do campo com o Maliano Marega.
Quem não interditar o futebol e os crimes de lavagem de dinheiro e os crimes de violência até que passe a vontade de usar esta última no desporto. 

Sim, porque corrupção e violência estão ligadas e todos sabemos disto.

Anabela Ferreira

Um comentário a “Em Portugal não há racismo…”

  1. […] post Em Portugal não há racismo… appeared first on Notícias […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *