Nem um passo atrás!

A palavra de ordem “Nem um passo atrás!” volta a ressoar, gritada pelos estivadores, e não só pelos de Setúbal, mas também pelos seus camaradas de trabalho de todos os outros portos do país, em solidariedade para com aqueles. Mas o que se passa, afinal, com o trabalho portuário, em particular no porto de Setúbal?…

Cidadão castrado, NÃO!

Ao fim de década e meia sobre o conhecimento das grandes negociatas e trafulhices financeiras feitas ao abrigo e com a intervenção activa do sistema bancário, dos seus proprietários e seus administradores, o correspondente balanço pode traçar-se desta forma: Não se encontra preso um único banqueiro ou administrador de bancos ou de empresas do respectivo…

Trabalhadores ou escravos?

Estes são alguns dados das estatísticas oficiais que, todavia, raramente se lêem nos nossos jornais e quase nunca se ouvem nas nossas rádios e televisões: Segundo o INE – Instituto Nacional de Estatística, quase um terço dos trabalhadores portugueses (28,1%) ganham apenas até 599€ por mês de salário líquido e cerca de outro terço (31,5%)…

Um Bolsonarus Juridicus: um homossexual é, necessariamente, um pedófilo

Depois de o Professor Decano do Grupo de Ciências Jurídicas da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, António Menezes Cordeiro, afirmar que acaso na fase preliminar de selecção e recrutamento o empregador fizer um questionário pessoal e invasivo da privacidade e o candidato se recusar a responder, nenhuma lei obriga o empregador a contratá-lo…