As rosas de uma guerra injusta

“- Ó homem cala-te um bocadinho que a Joana está a a fazer-me perguntas é a mim!” Dizia-Lhe a D. Rosa, batendo-Lhe no braço. O Manuel veio da guerra com os estilhaços de uma mina no rosto e a visão que a alma havia retido, porque os olhos népia! Entre os muitos Deficientes de Guerra…

A “Justiça”: Cartão vermelho

Começo por dizer que não tenho qualquer relação pessoal, familiar ou profissional com qualquer dos arguidos do processo chamado “Cartão Vermelho”, como não tenho qualquer afinidade política ideológica, social ou sequer desportiva com nenhum deles. E entendo, claro, que todos aqueles que se prove terem praticado actos de corrupção ou de golpadas financeiras, devem ser…

Os calhaus incivilizados

Há um problema de racismo na maioria dos países Europeus. Reino Unido e Itália incluídos. Não vejo futebol só ouço e leio os comentários dos amigos. Tal como aconteceu ontem. Para mim não passa de desporto sabendo que é um negócio( bastante sujo). Vibro com ténis e não me ofende se uma atleta ganha à…

Tenho saudades dessa Grécia

Fui correspondente da Lusa em Atenas. Já anteriormente escrevia artigos para o Diário de Notícias, descrevendo situações do meu cotidiano em Atenas, e as divergências de hábitos e cultura da Grécia e do meu país. Ainda há muito a tendência de imaginar que somos povos parecidos, mas não somos, de todo … Uma das primeiras…

Conselho Superior da Magistratura: um dos “buracos negros” da Justiça!

Há um órgão de que praticamente ninguém fala, mas que é responsável por muitas das deficiências e até perversidades por que se caracteriza, infelizmente, a Justiça Portuguesa: o Conselho Superior da Magistratura (CSM). Se a desigualdade real das partes já é, à partida, um facto inegável e incontornável (pois a parte mais forte tem sempre…

O bandeirismo e a reforma de cada um

Fomos… terão sido, os mais incautos telespectadores, apanhados desprevenidos pelas gordas que envolvem alguns famosos da praça. Poderia… gostaria de estar a esmiuçar a vida alheia; a arranjar piadas forçadas de cariz taberneiro mas nem com trinta tonéis dele a martelo me lembraria de invenção que me desse tamanha vergonha alheia. Sentada na sala de…

Resiliência

A dada altura do caminho, compreendemos por fim, a diferença entre desistir e não resistir. A verdade nua, crua e dura é que não possuímos nada a que possamos chamar de nosso. Com o tempo, tal como a fina areia que se nos escapa por entre os dedos, vão-se os afectos, os filhos, os amigos,…

Os coninhas do confinamento

Francamente que não percebo o desatino das pessoas com a situação do confinamento provocado pela pandemia. Ai que não posso ir ao mercado, ai que não posso ir ao café, ou ao jardim, ao restaurante, ao festival, etc., etc., etc. Pois a mim, ninguém me confina! Levantei-me cedo e fui à cozinha onde tomei um…

Hashtag Idadismo

O Idadismo é a última morada da moda das causas (…), no entanto ninguém quer publicitar a dita causa com o aspecto que tinham as nossas avós. Recordo as minhas… a avó pobre, viúva desde os 40 e picos, vestida de preto, lenço na cabeça e pernas tortas por décadas de drenagem linfática forçado nos…