Por detrás da porta fechada

Por detrás da porta fechada da corrida em direcção a lugar nenhum e a todos os lugares-Mergulho nas águas profundas da saúde mental dos refugiados da vida. Espero viver até muito velhinha com os meus quatro r´s: -risco, rímel, ramelas e rugas, acompanhada do síndroma de evolução através do reconhecimento das emoções e dos sentimentos – SERES…

60 anos de direitos dos inúteis

A esperança média de vida, em Portugal, aumentou mas sem a mudança necessária que exige um apoio humanizado, uma forma construtiva de viver o envelhecimento, esta circunstância é preocupante. Deviamo-nos congratular com uma vida saudável, curta na qual contribuímos para a produção de dívida e exigência de consumo Devíamo-nos cingir à usura da alma, dos…

As anunciadas medidas contra a precariedade laboral – com papas e bolos se enganam os tolos…

Precisamente nas vésperas quer das eleições autárquicas, quer do fecho das negociações do PS com o PCP e o BE para garantir a aprovação do próximo Orçamento de Estado, eis que o governo veio pomposamente anunciar, a 16/9, um conjunto de medidas alegadamente destinadas a combater a precariedade laboral. Antes de irmos à análise dessas…

Da série Pretagógica

Hoje o postal é longo, quase um livro leiam se vos apetecer, eu quero deixar por escrito, o meu acrescento se não vos apetecer ler agora, guardem num canto, quando quiserem saber da história, voltem aqui, saibam que este não é da minha imaginação uma veleidade a realidade da verdade o conto dos meus antepassados Preambulando  Um dia, um fascista disse…

Dia do SNS – ou o caminho do Dia Nacional da Doença

Damos hoje as boas vindas a mais uma efeméride; o dia do Sistema Nacional de Saúde.  Uma rede de proteção que foi pensada para todos, sem dogmas económicos, por quem sabia que um povo doente é um povo infeliz; por quem tinha a inteligência de compreender que não se pode exigir produção a quem não…

The Dust Lady

O dia acordava ensolarado e o céu limpo não fazia adivinhar o que este trazia guardado.  Marcy Borders, trabalhava há um mês no Bank of America no octogésimo primeiro andar de uma das Torres Gémeas do World Trade Center.  Tinha vinte e oito anos no dia onze de Setembro de 2001, no ano de início…

A pornografia dos despedimentos colectivos em Portugal

Praticamente todas as semanas (e ainda antes do anunciado fim das moratórias dos créditos bancários e de tudo o que isso acarretará) assistimos a sucessivos anúncios de despedimentos colectivos, designadamente por parte de grandes empresas, inclusive das que têm vindo a acumular lucros de milhões e até a distribuí-los aos respectivos accionistas, como a Altice,…

Khanimambo

É uma poesofia de vida chegar a Moçambique com uma frente povoada por ilusões e um coração cheio de sonhos. Acreditem-me. Vivi e trabalhei por lá, deixei pele e lágrimas no terreno, por vários anos. Não venho aqui falar de política mas como não? Se tudo é política? Não, vou falar-vos da Fundação Khanimambo. O…