BILHETE POSTAL E CONVITE A UM CONCIDADÃO ANCORADO NA FATALIDADE CRONOLOGICA DO 24 De ABRIL

Ao Concidadão Pedro Mexia, ilustre opinador na Actual/Expresso Leio-o, arquivo a maioria dos seus textos, aprendo  bastante com eles, identifico-me bastante com muitos autores que refere,e que  transportam alguma da desilusão pela humanidade de que ouso dizer que comungamos. De facto muitas pessoas são infames. Quanto à sua opção ideológica ou geográfica de ser/estar do 24 de Abril, (a)direi que sou do 25 de Abril e do PREC. Era,…

Evocação a Salgueiro Maia

Pede-nos a Associação 25 de Abril que divulguemos a sua iniciativa agendada para o próximo dia 25 de Abril pelas 11h00 no Largo do Carmo onde terá lugar uma evocação ao Capitão Salgueiro Maia. No decorrer desta iniciativa o Presidente da Direcção da Associação 25 de Abril, Coronel Vasco Lourenço, fará a intervenção que estaria…

Recado para uma LOURA OXIGENADA!

Um recado para uma LOURA OXIGENADA que é muito mais BURRA que as louras das anedotas: Tenho, sempre, refreado quaisquer comentários críticos à senhora presidente da assembleia da república (as minúsculas são propositadas). Isto, porque se trata de uma senhora e eu tenho, por definição, um enorme respeito pelas Mulheres que, contra tudo e todos,…

Vamos chamar os bois pelo nome… A “inconseguida” Assunção Esteves! (por Jacinto Furtado)

Irrita-me imenso mas, embora contrariado, por uma questão de honestidade, tenho de estar de acordo com Assunção Esteves e com a sua mais recente declaração “o problema é deles”. Isto a propósito de Vasco Lourenço, em nome dos militares de Abril, ter afirmado que se não podiam falar não estariam presentes na sessão solene comemorativa…

POR PORTUGAL PRESENTE!

Citara ou musas para que vos quero, se a minha alma sofre, quando  a Pátria morre e os seus soldados não dizem Presente e Pronto? Não os vi, não os tenho visto, enchendo ruas,  salvando Portugal, nem hoje, dia 13 Fevereiro 2014, nem  desde há tanto tempo, que já nem sei,  quando nas ruas vi  esse Abril:…

A RAZÃO DOS MEUS ALERTAS

Naturalmente que alerto não por uma questão pessoal, mas sim de Pátria, Portugal, Liberdade e Dignidade. Todos sabemos, que na política, como na tropa e nas instituições se as estruturas forem de uma dada natureza os resultados tenderão a ser uns, como acontece nas ditaduras e está a acontecer em Portugal, e, como sabemos, nas…